conduzindo Miss Shiva

27/10/2008 at 22:00

Como está na moda discutir em blogs como os cães devem ser conduzidos na rua, lembrei de contar como foi que aprendi a andar com a Shiva pelo bairro. Quando me mudei para Brasília, Shiva já tinha 1 ano, metade dele passou sendo adestrada pelos Bombeiros. Ah, que lindo! Logo, recebi as 1255 instruções de como deveria conduzi-la: segurar a guia sempre com a mão esquerda; dizer “junto” para que ela caminhasse junto a mim, enquanto puxava de leve a coleira para o meu lado; puxar a coleira para cima e dizer “não” caso ela queira apanhar algum objeto do chão; parar 2 passos antes de descer da calçada, esperar ela assentar e dizer “junto” quando for atravessar, etc, etc, etc. Meu marido deu duas voltas com ela pelo quintal enquanto me explicava e ela obedecia como um anjo, parecia mesmo fácil.

Saímos sozinhas para nossa primeira caminhada juntas. Seguimos bem até a primeira esquina. Mas eis que um gato sai correndo do meio das plantas e atravessa a calçada e a rua em desabalada carreira… “junto” e “não” não foram suficientes para conter a curiosa Shiva, que colocava todos os seus 36Kg a serviço de me arrastar pela calçada. Consegui dar a volta num poste e parar a cadela. Nem comento o estado que minhas mãos ficaram com a “queimada” da guia de nailon. Contei até 25, respirei até o coração parar de pular pela boca e segui. Mais 200 metros de paz, até que sacos de lixo pretos, colocados no canto da calçada, deixaram Shiva apavorada e ela travou: não seguia adiante e nem voltava atrás. Alguns minutos de impasse, carinhos na cabeça e voz mansa, consegui fazer com que ela atravessasse a rua e seguimos pelo outro lado. Demos a volta no quarteirão, onde 50 crianças saíam da escola! Shiva fez festa para cada uma delas, abanando o rabo, distribuindo lambidas generosas e babando em todo mundo.

Seguimos mais tranquilas, ela olhando para mim de vez em quando com “aquela” cara de besta, satisfeita da vida e eu falando com ela, certamente sendo apontada na rua como uma maluca que conversa com cães. Estava apreciando o passeio, pensando comigo: “até que estamos bem, é só o primeiro dia, mais uma semana e estou craque” quando do outro lado da rua, em sentido contrário, surge outra moça, com um labrador preto, com a mesma idade da Shiva. Os cães se olharam, começaram a abanar os rabos freneticamente e partiram em desabalada carreira em direção um do outro. Eu e a pobre moça éramos arrastadas para o meio da rua, que graças à Deus era sem saída e não tinha movimento, sem que nossos esforços servissem para conter as duas criaturas curiosas que estavam nas guias nas nossas mãos esquerdas. Shiva e seu novo amigo se cheiraram, deram voltas e voltas, de modo que as guias ficaram bem emaranhadas, enquanto eu e a moça trocávamos olhares de compreensão e ríamos do ridículo da situação. “-Ela tem que idade?”, “-Um ano”- respondi. “-É adestrada?”, “-Sim, pelos bombeiros!”. Algumas gargalhadas depois, seguimos para nossas casas.

Nem por isso desisti de caminhar com minha cadela maluca. Saí com a Shiva por quase 1 ano, por vezes sozinha, por vezes com meu marido nos acompanhando. Aos pouco ela foi se habituando comigo e passou a obedecer alguns comandos. Levou tempo, paciência – e muito creme nas mãos.

Anúncios

Entry filed under: Sem categoria. Tags: .

e o prêmio vai para…. dia sagrado dos cães


quem sou eu

a matilha

PitaPata Dog tickers PitaPata Dog tickers

mais recentes

no twitter

  • Quando a gente concorda com o Bush é pq as coisas estão muito, mas muito ruins.:: :: 11 hours ago
  • RT @jricmotta: O grande sucesso da política brasileira é investir na mentira. Há os que não entendem, os que não vêem e os que fingem não v…:: :: 1 day ago
  • Melhor coisa que assisti nos últimos tempos foi #BigLittleLies . Roteiro bom, tema bem abordado, ótimas atuações, vale à pena demais!:: :: 3 days ago

(e o melhor, sem baba!) assine o blog e receba notificações de novas postagens por email

Junte-se a 4 outros seguidores

arquivo por data

o conteúdo deste blog é protegido!

Creative Commons License
This work by Bella (Isabella Neves) is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported License Todos os textos e imagens devem conter referência ao autor e link para o post citado.

%d blogueiros gostam disto: